Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Direito, gestão e esportes

Direito, gestão e esportes

Por Higor Maffei Bellini

Antes de mais nada o que mudo é que os estadios/arenas volataram a ter uma maior importância para o time, que é o mandante da partida. Não só porque os jogadores sabem se localizar espacialmente no estadio, tendo como referência geografica as placas de publicdade, ou a sombra que se joga de dia em um local já conhecido.

 

A presença de publico, agora está liberada em sua capacidade plena, ao menos no estado de São Paulo. Ou seja voltamos ao que era antes da Covid.

 

O que muda é que agora com a pressão da torcida cantando, incentivando voltamos a ter aquela mistica nos estadios da torcida "levar o time nas costas". O que pode fazer com que  alguns jogadores promovidos a equipe principal durante a pandemia sintam a presença do publico nos estadios, e passem a jogar menos do que vinham apresentando.

 

O que pode mudar também é que as equipes, como um todo, se sintam precionadas pelo público não conseguindo render o esperado trazendo assim de volta a vantagem competitiva de se jogar em seus domininios e afastando a paridade que a ausencia deste importante fator trazia aos confrontos.

 

Ou seja mudou que voltamos a fevereiro  de 2020 em materia de futebol

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.