Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Direito, gestão e esportes

Direito, gestão e esportes

Por Higor Maffei Bellini    Este texto tem origem em duas ações trabalhistas que dei entrada hoje, enquanto advogado de atletas.   Estas duas ações se não fossem dois times diferentes  valores de salário diferentes e tempo de contrato. Tudo o mais seria o mesmo. Duas atletas contratas para disputar o campeonato estadual, por dois times que nunca tiverem condições de arcar com os salários das atletas.   Tanto é que não tinham condições de arcar, que sequer pagaram (...)
26 Nov, 2021

Feriados e esportes

Por Higor Maffei Bellini  Os feriados e as festas combiam com assistir a esportes. Em especial em frente as televisões ou telas de computado e celular.   Sou antigo prefiro assistir pela televisão.   Em dias como hoje onde se comemora no Estados Unidos especialmente o dia de ação de graças o thanksgiving. As pessoas gostar de assistir a jogos na companhia de seus entes queridos.   As equipes, que sejam brasileiras, trabalhando em feriados devem lembrar de pagar o dia (...)
Por Higor Maffei Bellini    O telão em uma instalação esportiva, pode e deve ser utilizado para algo além de transmitir lances do evento. É possivel ser uma fonte de renda para a equipe mandante  aquela dona do local, onde está sendo disputada a partida.   Esta fonte se renda pode ser da maneira clássica, com a venda de minutos de exibição do nome dos parceiros comerciais do evento, da equipe.   Mas também pode servir de fonte de renda coma venda se espaço para que (...)
Por Higor Maffei Bellini    Sim, o título é da instituição. Independente de ter sido conquitado pela equipe masculina ou feminina.   Apenas a título de exemplo se uma instituição tem uma equipe masculina e uma femina e cada uma ganhou dois titulos nacionais. A instituição tem 4 títulos nacionais. Se a instituição tem estes títulos de alguma forma representado em sua camisa, o mais comum seria por estrelas.   Ambas as equipes podem usar a camiseta com as 4 estrelas, (...)
Por HigorMaffeiBellini Neste texto compartilho a minha opinião, das razões pelas quais a Conmembol erra ao copiar o padrão europeu de final em jogo unido, em cidade pré definida.  O primeiro erro é cultural se ignora que nós sul-americanos não somos europeus. Temos nossa própria forma de torce, de encarar uma partida de futebol de encarar a nossa relação com o clube, tanto que ao menos no Brasil não vejo a existência de Sads ou Safs para os grandes clubes, já que aqui a (...)
Por Higor Maffei Bellini    Hoje aqui no Brasil, uma cliente a quem aprendi a chamar de amiga, está em uma campanha do seu clube empregador relativa ao dia da consciência negra.   Ela está linda na foto, ante de vocês me criticarem por falar da beleza física dela, já falei isso a ela. E ela tem uma alma linda também. E já disse tudo isso a ela. Então nem precisam começar.   Quando falei para ela que ela estava lida. Falei que ela não deveria ligar para os elogios, (...)
por Higor Maffei Bellini    Se considerar que o contrato de licenciamento temporário de imagem, tem natureza civil. Como fazem os clubes de futebol e os próprios atletas, quando multados pela receita federal. A exploração da imagem pode acontecer nas férias, sim.   Isto vendo fato de que o dever do atleta deixar o clube usar a sua imagem ser civil e não trabalhista, a suspensão do contrato de trabalho pelas ferias, não afeta as obrigações contratuais dos atletas.   Dest (...)
 No Brasil existe, ainda hoje, a lenda que existem pelo menos 13 grandes times no Brasil.   Não discuto o passado destes, que se tornaram grandes,  no século XX, disputando campeonatos estaduais.   Lembrem que o campeonato brasileiro nasceu em.1971, e agora completa 50 anos, mas que apenas em 2003 passou a ser por pontos corridos. O que diminuiu a incidência de campeões vindos de times medios, que tiveram sortes nos cruzamentos no Mata Mata.   Sendo importante dizer que, no (...)
Por Higor Maffei Bellini    Sim, é um tema polêmico ainda mais em terras brasileiras. Onde a toecida se entende como dona do clube, esquecendo que ele é uma associação sem fins lucrativos, sendo apenas dos sócios. Ou sendo uma empresa, tendo um dono.   Nestes cenários que são os comuns no Brasil a torcida não é dona, de nada. Não tendo qualquer poder de influenciar nos rumos da equipe.   Por isso que quando um torcedor, sejam os comuns ou os organizados, age o faz em (...)
Por Higor Maffei Bellini    No universo do futebol feminino brasileiro, aquele com quem tenho mais familiaridade, mas, creio que se replique em outros. O fornecimento de alojamento e alimentação pelos clubes, como forma de elevar a remuneração da atleta, sem ter a incidência de encargos ficais e previdenciário, uma vez que, estes apenas usam como base de incidência o salário pago em dinheiro.  Quando pedimos contudo, que estes valores sejam integrados a remuneração das (...)